Seguir para o CLUBE DA TEOLOGIA


"SÓ SE LEMBRARÁ QUEM HOJE VIVER. SÓ HAVERÁ HISTÓRIA AMANHÃ SE HOJE VOCÊ A ESCREVER"

terça-feira, 6 de setembro de 2011

PALAVRAS DE ÂNIMO

Ele estava escondido pelo desgosto que sentia
quando olhava e não via ninguém ao seu redor
Nem um ombro amigo pra desabafar-lhe
As ameaças de morte o empurraram para o deserto
buscando o fim da história, o fim de sonhar.
De sentir a única coisa que realmente importa.
Logo ele que lutou tanto pela paz,
caminhou o caminho do desgosto,
pois buscavam tirar-lhe a vida,
mas como tirar aquilo que ele não tinha mais,
pois o desejo da vida não estava mais nele.
Só os apaixonados ouvem a mesma canção de novo.
Só os românticos lêem a poesia duas vezes.
E só os que tem fé fariam tudo de novo.
Após a longa caminhada ele se acomoda na escuridão.
E sozinho na fenda do monte
diz para aquele que sabe de tudo:
- Chega! Ninguém ficou daqueles sonham.
- E eu que condenava os falsos, sou tão ruim quanto eles.
Mas de repente um ruído vem lá de fora
uma ventania terrível, mas não havia nada nela,
e então um tremor violento chaqualhou o lugar,
em seguida um incêndio cruel.
Mas cadê a resposta da oração desgostosa?
e de uma calmaria que vinha lá de fora,
ele ouviu a voz suave chamando.
A ordem veio então: - Ordenei meus reis e meu profeta,
quem escapar dos reis, cai na mão profeta.
E dos que sonham, separei um povo ainda
que sonha quando tudo parece no fim.
Quando todos se vão, eles ficam.
Quando o inimigo diz não, eles oram 
e me pedem a vitória.
São joelhos calejados de tanto pedir,
mas não se dobram ao baal desse mundo.


Marcos André

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu coração falar, deixe seu comentário.